Posts

O que é coaching? O que eu ganho fazendo coaching?

Estas são as primeiras perguntas que vêm a mente de quem escuta falar e se interessa pelo que é coaching. Esta palavra da língua inglesa tem diversas versões de origem, a mais aceita é que “coach” era o condutor das antigas carruagens, que transportavam pessoas de um endereço a outro nas antigas cidades medievais da Europa.

Nesta versão histórica do termo coach, temos uma primeira indicação do que é o processo de coaching: coach é aquele que ajuda a conduzir uma pessoa de um estado atual de vida (profissional), para um novo estado desejado no futuro. Esta imagem de carruagem também é bastante significativa, pois o coachee (cliente do coach) somente entra na carruagem de forma voluntaria.

Consultoria curitiba

A International Coaching Federation (ICF), principal organização que define padrões e certifica profissionais de coaching mundialmente, define o processo como:

“Uma parceria com o cliente em um instigante e criativo processo que os inspira a maximizar o seu potencial pessoal e profissional, que é particularmente importante no ambiente incerto e complexo de hoje.”

A segunda pergunta, o que eu ganho fazendo um processo de caoching? A resposta é composta de diversos fatores:

O primeiro passo do processo é mapear o estado atual, o ponto de partida da mudança. Nesta etapa o coachee consegue assimilar com mais precisão e de maneira ordenada como está sua vida hoje e perceber eventuais pontos críticos nos quais deseja progresso. Neste estágio ganhamos “self awareness” (autoconsciência); conhecendo melhor nossos valores pessoais, nossa visão de vida, nossas motivações, entre outras.

O próximo passo é projetar o estado desejado: o coachee se concentrará na visualização do que realmente quer para si. É nesta fase que irá definir o destino da mudança, focalizando-se em futuras possibilidades, sonhos, vocações e visão de vida. Neste estágio ganhamos consciência de nossos objetivos de futuro, que estarão alinhados com nosso propósito de vida, e por consequência nos trarão realização pessoal.

Construção do plano de ação: nesta fase do processo trabalhará um caminho viável para sair do estado atual e chegar ao estagio desejado. Este caminho é desenhado pelo coachee, considerando recursos e estratégias pessoais que viabilizarão a mudança. O ganho aqui é o estabelecimento do caminho da mudança de forma concreta e de autoria do próprio coachee.

Finalmente, vamos a execução do plano. Talvez a parte que exigirá maior resiliência do coachee, pois estamos trabalhando sobre tudo com mudanças de comportamentos e desenvolvimento de novos hábitos e habilidades.

Nesta última parte, a execução, podemos fazer uma comparação com o “personal trainer” ou ao “treinador” (outro significado bastante comum nos países anglo saxões da palavra coach). Estes profissionais “ajudam” seus clientes a treinarem para um esporte, ou para competir.

Se extrapolarmos esta figura para nossa vida pessoal e profissional, o coach é um profissional que nos ajuda a atingirmos nossos objetivos, tanto pessoais quanto profissionais. Tal qual o “atleta” que está sendo treinado pelo seu personal trainer, quem “treina” é o cliente e não o treinador. Quem vive as provas, são os clientes e não o treinador. O treinador (coach) apenas facilita que o “atleta” (coachee) busque os seus melhores talentos e atinja seus sonhos e realizações.

O processo de coaching, é realizado em um ambiente de confiança mútua e de ética médica (sigilo). Não existem julgamentos, nada é bom ou ruim: Apenas é! Este tipo de relacionamento é chave para criar o ambiente de crescimento.

O que ganho com o Coaching? Um crescimento pessoal e profissional que permitem acelerar as realizações de meus sonhos, do meu estado desejado.

Liderança, o que é?

Já parou para pensar no que significa liderar? Afinal, o que é a tão famosa liderança? Leia mais